fbpx

Primeiro tratamento através da terapia gênica é aprovado pelo FDA

O FDA emitiu uma ação permitindo pela primeira vez a terapia gênica para o tratamento do câncer e outras doenças graves que ameaçam a vida. Ela consiste em modificar geneticamente o sistema imunológico de um doente para combater uma forma agressiva de leucemia. Kymriah (tisagenlecleucel), como é denominado este tratamento, foi desenvolvido na Universidade da Pensilvânia e patentado pelo laboratório suíço Novartis para tratar a leucemia linfoblástica aguda. O tratamento atualmente custa U$ 475.000,00 doláres.A taxa de cura desse tratamento com células denominadas CAR-T que possui o receptor antigênico quimérico pode chegar a 83% e podem ser realizadas em pacientes de até 25 anos e que não tiveram sucesso em outros tipos de tratamento. O DNA inserido in vitro nas células permite que um receptor seja expresso na membrana plasmática e que possui afinidade pelo CD19, um dos marcadores expressos em células cancerígenas. Ao ocorrer esse contato célula transformada-célula cancerígena fatores antitumorais são liberados. Um detalhe bem importante é que em uma das etapas, os médicos depletam as células brancas do corpo do paciente através de um procedimento chamado leucoforese. Este procedimento pode matar a qualquer momento se precauções de contato com vírus e bactérias por exemplo não sejam tomados nesta etapa. Vamos torcer para que o tratamento chegue também ao Brasil e com um valor mais acessível.
14/05/2019

0 respostas em "Primeiro tratamento através da terapia gênica é aprovado pelo FDA"

Deixe sua mensagem

Núcleo de Aprimoramento Científico Av. Paulista , 171 - Bela Vista - São Paulo - SP
X